Formação de Terapeutas em Sagrado Feminino e Ginecologia Natural (4).png

Ciclo Menstrual e as Fases da Lua

Lua Interna e Lua Externa - Significados

Quando estamos menstruando, vivenciamos dentro desse ciclo quatro fases distintas que estão relacionadas às quatro fases da Lua. Esse ciclo chamamos de Lua Interna, pois está diretamente conectada ao movimento hormonal de nosso corpo e as mudanças emocionais e psíquicas que ocorrem em cada uma das fases. Conforme falamos no artigo anterior.


Ainda assim, as fases da Lua externa continuam ocorrendo e nem sempre nosso ciclo interno estará em harmonia com o ciclo externo e isso é natural. Porém, esse movimento entre o interno e o externo acaba se misturando e nos trazendo respostas diferenciadas durante o mês. Para entendermos melhor essa dinâmica precisamos observar a nós mesmas, nosso ciclo e mapeá-lo em acordo com as fases externas, desta forma começamos a gerar conhecimento sobre como funcionamos e o significado das energias e emoções em nosso psiquismo.


Confira abaixo, alguns dos significados possíveis, quando interligamos a nossa Lua Interna com as fases da Lua Externa:


Menstruar na Lua Nova...

Tanto a Lua Nova quanto a menstruação trazem a energia de transformação e renovação. É momento de se aprofundar nas suas raízes mais profundas, se conectar com o escuro de seu útero e deixar morrer tudo que não sirva mais. O sangue menstrual vai fertilizar o solo para que o novo ciclo possa começar. Deixe-se guiar pelas forças da Bruxa Anciã. Nesta fase, junto com a Lua Nova o poder de conexão interna e de meditação profunda já estão dados, ou seja, mesmo que queira não conseguirá ter energia para as coisas práticas da vida, então se permita fluir, solte tudo que não tem importância e perceba os insights que ela te traz para o ciclo que se inicia. Observe seus sonhos, o que eles pedem que seja transmutado, ou o que revelam que já esteja sendo modificado... registre tudo em seu diário luminar. Quando a menstruação está alinhada com a Lua Nova estamos diretamente conectadas às ancestrais. Deixe que sua intuição e percepção mais sensível se manifeste, elas são as vozes de suas ancestrais. Entregue-se completamente a este processo, respeite os sinais de seu corpo, descanse, dê a si mesma tempo e contemplação.


Menstruar na Lua Crescente...

Menstruar na Lua Crescente significa que alguns aspectos relacionados à nossa infância e juventude precisam ser reconhecidos e liberados. Padrões de comportamento repetitivos que tenham origem em algum trauma, falta de estímulo, ou abandono - dentre outros - podem emergir nessa fase para que possamos trabalhar com esses aspectos de forma consciente. Como a menstruação traz a força da limpeza e nutrição nesta fase lunar, a Bruxa Anciã está demonstrando que precisa fazer essa conexão com a Donzela para limpar aspetos que ainda estão presentes em sua vida atual. Como a Lua Crescente traz muita energia é possível que sua energia se manifeste mais vigorosa durante o período menstrual, diferentemente do que normalmente acontece, o que pode fazer com que se perca nas tarefas cotidianas e não dê atenção ao que a sua Anciã está necessitando. Talvez seja interessante realizar tarefas e atividades com as quais estava acostumada a fazer na infância e juventude, como colorir, desenhar, e outras brincadeiras.


Menstruar na Lua Cheia...

Menstruar na Lua Cheia significa uma maior exposição às nossas emoções. Nesta fase a Lua recebe o máximo de luz solar e torna visível as contradições emocionais que vivenciamos, ainda que de forma inconsciente. Menstruar nessa fase pode facilitar a cura de conflitos e feridas vinculadas à relação com o maternal, tanto com sua mãe quanto com seus filhos e filhas. Pode-se perceber algum padrão enraizado que tenha origem em processos dolorosos com relação ao feminino, a imagem que temos deste com relação as nossas ancestrais, isso pode estar ligado à menarca, gravidez, abortos, infertilidade e relações familiares.


As energias da Bruxa Anciã invocando a Mãe potencializa as percepções favorecendo os rituais cujos elementos estejam conectados a esse arquétipo como fertilidade, prosperidade, e a auto-nutrição. Ao menstruar nessa fase você pode se sentir com mais energia que em outros momentos. Também estará mais consciente das suas emoções e crenças limitantes. O fato da menstruação vir nessa Lua, que também está ligada a nossa Visionária interna, pode fazer com que a sua intuição esteja mais aguçada, trazendo percepções do que você precisa fazer para ampliar seus projetos e realizar seus sonhos. Aproveite ao máximo essas energias e não se distraia com atividades rotineiras, esse é um período de conexão interna, cura e despertamento para questões que podem ser impeditivas das suas ações.


Menstruar na Lua Minguante...

A Bruxa Anciã encontra-se com a Feiticeira. A força do subconsciente e do mundo das sombras nos permite um mergulho nos aspectos impeditivos que estão relacionados a nossa ancestralidade. Neste período podemos ter insights mais profundos e as verdades que escondemos de nós mesmas. Pode ser uma fase mais difícil para algumas mulheres, mas com certeza é muito frutífera e uma oportunidade para trabalharmos de forma efetiva com os aspectos infantilizados, mas também da descoberta de aptidões e talentos que igualmente estão escondidos nas sombras do subconsciente. É uma fase de liberação, de limpezas profundas, liberação da criatividade e de começar um novo ciclo muito mais ancorada em sua verdadeira essência e naquilo que veio efetivamente construir nessa vida. Dispa-se de suas defesas e permita que as forças da Anciã e da Feiticeira realizem as transformações necessárias para sua plena realização.


Pré Ovular na Lua Nova...

A pré ovulação é o período em que as energias da Donzela/Guerreira estão à disposição para nos organizarmos interna e externamente, planejando e organizando nossas ações. Quando vivenciamos essas energias na Lua Nova podemos utilizar a mente racional para organizar a rotina, perceber o que devemos mudar e o que não é mais interessante manter, ou seja, o que precisa ser descartado. Aproveite para arrumar armários, gavetas, sua vida doméstica e profissional, tudo que esteja guardado e que precisa ser limpo, renovado e reestruturado. Essa é uma fase de mudança e isso pode estar relacionado aos seus pensamento e sentimentos aos quais esteja apegada e que não correspondem às suas necessidades reais. Aproveite esse encontro e se renove.


Pré-ovular na Lua Crescente...

Quando isso acontece, temos um alinhamento entre a Lua Interna e a Lua Externa. Podemos trabalhar as energias da Donzela/Guerreira em seu aspecto mais pleno. Neste sentido, essa é uma fase muito dinâmica, com energia ativa, criativa e sexual, em que a mente racional está agindo de forma clara e assertiva. Bom momento para estudos práticos, colocar as atividades em dia e planejar as ações futuras. Movimente essa energia na direção de seus objetivos e dê início aos seus projetos. Movimente-se, coloque a energia criativa e sexual em ação no seu mundo.


Pré-ovular na Lua Cheia...

Aqui as forças da Donzela/Guerreira se encontram com a Mãe/Visionária. Esse momento expande ainda mais suas energias e a mente racional e intelectualizada também recebe estímulos emocionais e empáticos. Então aproveite para concretizar seus projetos, alcançar suas metas e fazer com que estes estejam a serviços do outro. Sentirá uma maior necessidade de envolver as pessoas em suas ações, buscando soluções práticas para as demandas coletivas. É importante compartilhar suas ideias, as outras pessoas podem estar mais receptivas e ajudar na execução das mais diferentes tarefas. A criatividade também estará em alta, criando soluções efetivas e inesperadas para alguns problemas. Coloque as energias em movimento e cuide com os excessos.


Pré-ovular na Lua Minguante...

A Lua Minguante com o arquétipo da Feiticeira/Mestra está no lado oposto da Donzela/Guerreira na roda do ciclo. Este será um período excelente para trabalhar com as sombras subconscientes que impedem a ação, e as energias da Donzela de fluírem livremente. Você pode se sentir sozinha, ou que está lidando com mais responsabilidades do que poderia. Aproveite o contato entre a mente racional, intelectual com o seu subconsciente para liberar padrões impeditivos, marcas de situações difíceis ou até mesmo de invalidação de quem você é e de sua capacidade de realização. É um momento de ancorar sua ação ao seu mundo interno, de obter respostas mais verdadeiras e centradas sobre o que realmente deve fazer e de como conduzir seus projetos e objetivos para que tenham a realização desejada.


Ovular na Lua Nova...

A ovulação com seu arquétipo da Mãe/Visionária está em oposição às energias da Bruxa Anciã na Lua Nova. Este é o momento em que as energias complementares se encontram e quando pode-se tirar o máximo proveito da conexão com as nossas raízes e ancestralidade. É um período muito místico, onde pode-se perceber de maneira intuitiva e muita clara o direcionamento que devemos dar aos nossos objetivos e projetos para que eles floresçam com maior naturalidade servindo ao bem comum. Igualmente evidencia a necessidade de equilibrar a sua doação aos outros (Mâe/Visionária) com o tempo e doação de energias que emprega a si mesma. O equilíbrio entre essas polaridades é necessário para que você mantenha a sua ação centrada no coração, sabendo quando se doar aos outros e quando se recolher, buscando dentro de si as energias de cura e de ancoramento com seu propósito de vida. Execute alguns rituais para fertilidade e expansão da criatividade neste período.


Ovular na Lua Crescente...

Uma das características das fases expansivas de nosso ciclo é a leveza. Quando elas se encontram, a Mãe/Visionária com a Donzela/Guerreira temos uma fase muito dinâmica, onde podemos ver e sentir os afazeres diários com mais alegria e disposição. Brincar, rir de si mesma e observar os acontecimentos pelo lado positivo podem ser experiências naturais durante essa fase. A sexualidade e a sensualidade da menina estão a disposição. Fica mais fácil se relacionar com outras pessoas, pois essas energias trazem uma empatia calorosa e acolhedora. Organizar sua agenda e demais tarefas será agradável, fluindo de forma harmônica, pois você estará com energia de sobra.


Ovular na Lua Cheia...

Aqui, temos o encontro da Lua interna com a Lua externa manifestando a mesma imagem arquetípica, a da Mãe/Visionária. Ao ovular nessa fase as energias desse arquétipo estarão mais claras e vívidas. A mente emocional e empática estará mais aguçada e poderá perceber com facilidade a melhor forma e momento de se comunicar com as pessoas, percebendo o que necessitam e sendo uma agente de transformação e acolhimento do outro. Nesta fase o compartilhar de experiências e as trocas íntimas são muito mais valorizadas. Este é o ápice da energia feminina, e exatamente por isso, estará mais sedutora, mais disposta a compartilhar e nutrir os outros com sua presença e encantamento. Aproveite para executar rituais de abertura de caminhos, de concretização de projetos e de atração de tudo que precisa para dar materialidade aos seus sonhos e projetos.


Ovular na Lua Minguante...

Neste momento as energias da Mãe/Visionária encontram-se com a Feiticeira/Mestra. É um momento de ancoramento da ação da Mãe nas forças ancestrais e internas da Feiticeira. Quando isso acontece, é sinal de que podemos estar nos doando excessivamente sem uma conexão mais profunda com nossa verdade. Também pode- se perceber que existem padrões limitantes que precisam ser limpos, reconhecidos e superados com relação à maternidade e aspectos do feminino, como a expressão da sexualidade e da criatividade. Nossas carências, rejeições e sentimentos negativos quanto ao poder de ação e realização podem emergir à mente emocional. Reconheça esses sentimentos, sem dar a eles mais atenção do que realmente seja necessário, realizando rituais de limpeza e banimento dessas energias. Faça um balanço com relação a forma como vem se relacionando com as pessoas, perceba onde está projetando suas carências ou faltas e o que precisa ser modificado. É uma fase muito positiva de transformação e limpeza.


Pré-menstruar na Lua Nova...

A pré-menstruação é o período em que vivenciamos as energias da Feiticeira/Mestra em nosso ciclo mensal. A mente subconsciente estabelece contato com nossa consciência e aspectos das nossas sombras emergem para que possamos conhecer nossas verdades mais íntimas e possamos nos libertar dos padrões impeditivos da realização e felicidade. Pode ser o período mais difícil para algumas mulheres, pois as emoções fogem ao controle racional. Quando essas energias se encontram com a Bruxa Anciã na Lua Nova, a turbulência emocional pode ser ainda mais intensa, mas existe uma profundidade maior, uma sabedoria ancestral que nos guia para que possamos lidar com essas emoções com maestria. É um período em que as energias estão mais voltadas para o interno e podemos ter insights em sonhos ou percepções mais sensíveis sobre o momento que estamos vivenciando.


Pré-menstruar na Lua Crescente...

Neste momento as energias da Feiticeira/Mestra estão em oposição às energias da Donzela/Guerreira. Isso evidencia que chegou o momento de encarar nossas sombras com mais dinamismo, leveza e alegria, percebendo que se trata de um momento de liberação de traumas vivenciados na infância ou juventude. A Feiticeira nos guiará, mas as energias da donzelas darão o tom deste encontro, ou seja, é preciso dar-se tempo para sentir, para sentir e vivenciar nossas emoções, através da dança e de atividades que nos remetem a infância podemos liberar o choro reprimido, curar feridas antigas que impedem o ancoramento com nossa realidade mais íntima.


Pré-menstruar na Lua Cheia...

Este é um momento muito interessante. A Feiticeira/Mestra encontra-se com a Mãe/Visionária e pede a ela que ilumine suas sombras, revelando o que se oculta em seu subconsciente. Essas energias não emergem sem um motivo, normalmente são respostas, revelações do que está por trás de nossas ações, do que de alguma forma as limita. Então esse é o momento de acessar os padrões impeditivos e crenças limitantes com relação à mulher que nós somos, a expressão de nossa feminilidade. Muitas vezes esses aspectos revelam relações conflituosas com a mãe, com outras mulheres que detenham autoridade ou até mesmo com a fertilidade, as dificuldade que temos em fazer florescer nossos sonhos e projetos. É uma fase muito transformadora se ousarmos

olhar com amor para nós mesmas, acolhendo quem verdadeiramente somos e sobretudo, aceitando aos outros como são, entendendo que cada um dá o que tem.


Pré-menstruar na Lua Minguante...

Aqui mais uma vez, temos o encontro da Lua Interna com a Lua Externa. A imagem arquetípica da Feiticeira/Mestra está se manifestando em sua plenitude e podemos sentir de forma mais clara seus movimentos. A Feiticeira/Mestra nos convida a reconhecer nossos limites diante das energias do subconsciente. É um momento de muita criatividade interna, quando podemos perceber os padrões limitantes da nossa plena manifestação no mundo. É um período de limpeza, de transformação e reconhecimento de potencialidades que estavam soterradas em traumas e negações de quem somos. O caminho da mestra nem sempre é o mais fácil, mas com certeza é libertador. Dê-se tempo, relaxe, pinte, dance, escreva sobre o que sente, permita-se sentir sem julgamentos ou culpas, deixe que a Feiticeira atue e limpe de você tudo que não precisa mais para que seus sonhos e projetos possam florescer ancorados em suas raízes e em que verdadeiramente és.


Observações: É aconselhável o do seu ciclo por meio de mandalas lunares e de manter um diário com o registro dos sonhos, percepções, sensações e tudo que achar necessário. Esses registros são uma maneira de criarmos conhecimento sobre nós mesmas, a forma como funcionamos em cada uma das fases e com o que estamos lidando. Assim você vai descobrir com muito mais profundidade o que está sendo trabalhado em cada fase do seu ciclo e de que forma está conectada ao ciclo lunar externo.


Gostou do artigo?

Compartilha com aquela amiga que precisa saber disso.

41 visualizações
  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube

Lara Moncay Reginato

Lara.jpg

Sou terapeuta em Ginecologia Natural, Sagrado Feminino, Medicina Ancestral e Fitoterapeuta. Também sou Guardiã de Círculo de Mulheres, Womb Keeper registrada, astróloga e taróloga. Idealizadora e facilitadora da Hamadríade. Ajudo mulheres a desenvolverem suas potencialidades e formo terapeutas em Sagrado Feminino, Ginecologia Natural e Medicina Ancestral. 

1.png
2.png